DESTAQUES

Cartilha

Como utilizar seu plano de saúde

Ao adquirir um plano de saúde é comum surgirem dúvidas quanto a sua utilização. Para que você tenha tranqüilidade e segurança quando precisar de atendimento, o SERJUSMIG relacionou as questões mais comuns. O uso correto do plano de saúde amplia a eficiência no atendimento a você, à sua família e à sua empresa. Confira as dicas:

  • Use o convênio apenas quando necessário. O abuso eleva o custo da assistência.
  • As consultas são prestadas, exclusivamente, por médicos cooperados da Empresa, devendo ser marcadas no consultório do médico. Verifique sempre a cobertura de seu plano.
  • Compareça à consulta agendada no horário marcado. Evite atrasos e, em caso de atraso do prestador, verifique o ocorrido.
  • Se você não puder comparecer à consulta programada, cancele com antecedência para não prejudicar o médico e outro cliente.
  • Retorno ao médico para apresentação de resultados de exames ou pela mesma patologia não caracteriza nova consulta, dentro do mesmo mês. Não passe seu cartão, assine a planilha nem a guia de consulta.
  • Os exames médicos somente serão liberados se solicitados por médicos cooperados, através de impresso próprio da Empresa.
  • Organize em uma pasta receitas, exames e tratamentos realizados para facilitar sua consulta e fornecer ao médico dados essenciais ao diagnóstico e tratamento. Apresente-a sempre que for a uma consulta médica.
  • Para consulta, prefira o atendimento em consultório. Procure os hospitais credenciados apenas em caso de urgência. Em caso de cirurgias eletivas (programadas), verifique a cobertura do seu plano.

Evite desperdícios: Ajude a construir uma sólida relação médico x paciente, evitando consultar vários médicos da mesma especialidade; isso só trará benefícios clínicos.

  • Só procure o Pronto-Socorro quando houver realmente necessidade.
  • A consulta em consultório é sempre melhor.
  • Ao fazer uma consulta, valorize o exame clínico. Não solicite exames ao médico, ele sabe quando é necessários realizá-los.
  • Durante algum tempo, para um melhor acompanhamento na utilização, guarde os comprovantes de consultas e exames realizados e os resultados de exames.
  • Preste muita atenção ao assinar as guias de serviço médico, laboratorial ou hospitalar. Ao assiná-las, você estará afirmando que o serviço foi realizado. Assim, verifique sempre se o que consta na guia corresponde ao que foi realizado e não assine nada em branco. Solicite ao médico e/ou à atendente para preencher o formulário.

Equilíbrio: Os valores das mensalidades dependem fundamentalmente do equilíbrio entre receita x custo. Assim, a utilização dos serviços médicos usados de maneira ponderada apresenta resultados positivos na renovação anual do contrato.

Para realizar exames:

  • Os exames simples não necessitam de prévia autorização, desde que solicitados por médico cooperado e em formulário próprio.
  • No caso de autorizações para procedimentos cirúrgicos, leve consigo todos os exames pré-operatórios.

Cuidados com o cartão

  • O cartão da empresa é um documento pessoal, intransferível e indispensável a qualquer tipo de atendimento nos consultórios e toda a rede credenciada.
  • Ao receber seu cartão, confira todos os seus dados pessoais. Em caso de erro, solicite imediatamente a correção através da sua empresa. Se o seu plano for particular, vá diretamente à Empresa.
  • Para sua segurança, após a conferência, assine com caneta esferográfica o verso do cartão, no lugar apropriado. O cartão deve ser obrigatoriamente assinado pelo usuário. No caso de dependente menor de idade, o cartão deverá ser assinado pelo titular do plano.
  • Para realização de consulta médica, não se esqueça de verificar se seu cartão está válido e apresente-o sempre acompanhado de um documento de identidade com fotografia e comprovante de pagamento (plano familiar). Sem estes documentos, o atendimento pode ser negado.
  • Em caso de perda, roubo ou extravio do cartão, comunique imediatamente à sua empresa (plano pessoa jurídica) para que seja providenciada a segunda via.

Atenção: o empréstimo do cartão a terceiros é proibido e considerado crime. As despesas decorrentes do empréstimo serão debitadas e as penalidades, impostas ao cliente.

Evite:

  • O uso de clips no cartão;
  • Expor o cartão a raios solares;
  • Deixar o cartão em contato com areia ou umidade;
  • Envergar o cartão;
  • Deixar o cartão em contato com aparelhos elétricos ou campos magnéticos.





SERJUSMIG :: Rua Guajajaras, 1984 - Barro Preto - CEP 30180-109 - Telefone: (31) 3025-3500 - Fax: (31) 3025-3521
Design por: Interlig
Desenvolvido por: Masterix Sistemas