DESTAQUES

Notícias

Rodada de visitas percorre todos os postos de trabalho da unidade Raja Gabaglia, em BH

10 de Maio de 2019 09:55:12


Entre os meses de abril e maio, dirigentes do SERJUSMIG visitaram todos os postos de trabalho da unidade Raja Gabaglia do TJMG, em Belo Horizonte.

Assim como vêm fazendo em visitas pelo interior e em outros postos da Capital, os diretores do SERJUSMIG estão visitando as bases para estreitar e reforçar ainda mais o relacionamento com os Servidores.

Na Raja, o presidente, Rui Viana, bem como o vice-presidente Eduardo Couto, estiveram em todas as secretarias, nas duas torres, para tratar de assuntos de vital importância para os trabalhadores do Judiciário mineiro.

Entre os temas, estão os riscos a que todos os trabalhadores brasileiros serão expostos caso a PEC 06/2019 (“Deforma da Previdência”) seja aprovada com seu texto atual, e também informando a todos sobre a campanha “pelo fim da Lei Kandir”, ação importantíssima que poderia evitar que, para quitar sua “dívida” com a União, o governo estadual optasse pelo Regime de Recuperação Fiscal, intenção já manifestada pelo governador Romeu Zema e que irá impor, por seis anos, sérias consequências aos servidores públicos, como congelamento dos salários e das carreiras do funcionalismo, a não realização de concursos públicos e a venda de estatais.

Além disso, os dirigentes do SERJUSMIG mobilizaram os Servidores sobre a campanha “Isonomia, Já!”, que visa pôr fim, definitivamente, às diferenças e discriminações que ainda persistem em relação ao 1º grau.

Durante as visitas, os Servidores também foram informados sobre as atuais lutas e conquistas do Sindicato relacionadas ao investimento na carreira, à melhoria das condições de trabalho e ao cumprimento das leis que garantem direitos aos Servidores, como a implementação dos auxílios Saúde e Transporte e da data-base, bem como reajuste do Vale-Lanche.

Segurança do prédio
Os Servidores lotados na unidade Raja Gabaglia, também foram atualizados sobre os desdobramentos da ação ajuizada pela Advocacia-Geral do Estado contra o município de Belo Horizonte, sobre o suposto risco iminente de desabamento da encosta localizada nos fundos do terreno.

No dia em que a notícia da distribuição da ação foi divulgada (4/4), Rui Viana e Eduardo Couto estavam em um dos prédios da Raja, justamente visitando os postos de trabalho. Imediatamente, os dirigentes adotaram todas as medidas necessárias naquele momento: oficiaram o TJMG para que houvesse imediata interrupção do expediente na unidade, oficiaram a Defesa Civil, requerendo a realização de uma vistoria e consequente emissão de laudo técnico para garantir a segurança de todos que frequentam o local, protocolizaram petição requerendo o ingresso do Serjusmig  como terceiro interessado no feito e, ainda, contataram o engenheiro Eduardo Vaz de Mello, presidente do IBAPE - Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia, para que ele atuasse como perito técnico independente, acompanhando todos os pareceres e decisões que seriam tomadas pelas autoridades envolvidas no processo.

No dia seguinte, o SERJUSMIG chegou a fazer uma vigília em frente à unidade, mesmo dia em que foi convidado a acompanhar uma audiência de conciliação entre as partes. Na ocasião, nenhum dos engenheiros ouvidos afastaram o risco de desmoronamento, porém, ambos asseguraram que ele não é iminente. Já no dia 5, a Defesa Civil emitiu um laudo, descartando risco de desabamento. 

Dias depois, os dirigentes do SERJUSMIG, acompanhados do engenheiro Vaz de Mello, participaram de uma reunião técnica no Centro Operacional do TJMG, para tratar das providências que estão sendo adotadas em relação ao edifício do TJMG situado na Av. Raja Gabaglia. Na reunião foi garantida ao Sindicato ampla participação no processo de acompanhamento do caso, desde o monitoramento da encosta até as obras necessárias à solução definitiva, com acesso a todos os laudos produzidos e documentos da edificação.

Participe, Servidor!
Acesse agora mesmo o link da Câmara, onde está aberta uma consulta sobre a Reforma da Previdência. Há alguns dias, a aprovação à reforma vencia. Houve uma reviravolta e os votos contra a Reforma da Previdência passaram a liderar. Neste momento, o resultado é: 58% dos votantes discordam totalmente da reforma! Vá lá e dê seu voto contra essa aberração! A enquete é oficial e os deputados certamente estão de olho na opinião de seus eleitores!

Assine também a petição pública pelo fim da Lei Kandir! Se Minas voltar a tributar a exportação dos produtos primários, a arrecadação vai aumentar, aliviando a crise financeira e impedindo que o serviço público seja sucateado!

Confira todas as fotos da visita aqui e em nossas redes sociais.


<<< VOLTAR

Confira também:







SERJUSMIG :: Rua Guajajaras, 1984 - Barro Preto - CEP 30180-109 - Telefone: (31) 3025-3500 - Fax: (31) 3025-3521
Design por: Interlig
Desenvolvido por: Masterix Sistemas