DESTAQUES

Notícias

Sindicato encaminha novo ofício ao TJMG pedindo a suspensão das atividades presenciais em todas as comarcas

08 de Janeiro de 2021 15:27:07


Considerando o agravamento da pandemia no Brasil, com aumento do número de infecções e mortes no país, o SERJUSMIG encaminhou à presidência do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), um solicitação para que as atividades presenciais sejam suspensas. O Sindicato entende que a suspensão deve ser adotada em todas as comarcas de Minas Gerais, independentemente do protocolo de classificação de “Ondas” estabelecido pelo “Plano Minas Consciente", do governo estadual. 

No ofício encaminhado, o Sindicato defende que, no momento em que se avista a possibilidade de aquisição da vacina, tornando mais próxima a superação da pandemia no estado, é necessário reforçar os cuidados para evitar que servidores e usuários do TJ se contaminem. Argumenta-se também que não é preocupante apenas a situação das comarcas localizadas em regiões classificadas na "Onda Vermelha", como também a das outras regiões, visto que o Brasil não tem adotado medidas de isolamento rigoroso. 

Pedido semelhante já havia sido feito pelo SERJUSMIG em dezembro de 2020. Na ocasião, além de reivindicar ao TJMG a suspensão de atividades presenciais, o Sindicato também enviou máscaras de proteção facial aos servidores filiados e realizou uma campanha de conscientização, em parceria com o Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Minas Gerais - SINDSEMP-MG, com postagens nas redes sociais e produção e distribuição de cartazes nas comarcas em todo o estado. 

 

Agravamento da pandemia 

Na quinta-feira (7), o Brasil ultrapassou a triste marca de 200 mil mortes notificadas em razão da Covid-19, tornando-se o segundo país a atingir essa cifra, atrás apenas dos Estados Unidos. De acordo com o consórcio de veículos de imprensa, havia, até esse dia, quase 8 milhões de infecções confirmadas no Brasil. 

Além disso, entre a quarta (6) e a quinta-feira (7), houve um total de 94.517 novos infectados pelo Coronavírus, recorde de contágios desde o início da pandemia. O número de mortes também bateu recorde, com 1.841 registros em 24 horas. 

Um agravamento da situação já era observado no país e em Minas Gerais nos últimos dois meses. Em novembro, 58 mil pessoas testaram positivo no estado, ao passo que, em dezembro, houve 126 mil novos casos confirmados. 

Em janeiro de 2021, a média dos primeiros dias ultrapassou os quatro mil novos casos notificados a cada dia. Na capital, Belo Horizonte, foi publicado nesta sexta-feira (8) o decreto do prefeito Alexandre Kalil (PSD) que determina o fechamento do comércio não-essencial a partir do dia 11 de janeiro.


<<< VOLTAR

Confira também:







SERJUSMIG :: Rua Guajajaras, 1984 - Barro Preto - CEP 30180-109 - Telefone: (31) 3025-3500 - Fax: (31) 3025-3521
Design por: Interlig
Desenvolvido por: Masterix Sistemas