DESTAQUES

Notícias

Jornal publica resposta do Sindicato a matéria que fazia crítica indevida a Servidores

09 de Junho de 2021 15:59:04


Nesta quarta-feira (9), o jornal Hoje em Dia publicou em sua página uma resposta do SERJUSMIG a reportagem divulgada no dia 20 de maio. A publicação da resposta atende a pedido do Sindicato, feito por meio de ofício ao jornal e também de matéria publicada na página do SERJUSMIG

A reportagem responsabilizava psicólogos e assistentes sociais do Judiciário de Minas Gerais por uma suposta paralisação dos processos de adoção de crianças e adolescentes no estado. Ao levantar possíveis fatores para tal situação, o texto diz: “Normas para paralisar os trâmites judiciais e até a recusa de profissionais em dar andamento aos trabalhos – como assistentes sociais e psicólogos – são os principais”. 

Embora citadas na reportagem, as duas categorias ou seus órgãos de representação, como sindicatos e conselhos profissionais, não foram ouvidos. Trabalhadores, indignados com a cobertura, procuraram o Sindicato. Conforme demonstrou o SERJUSMIG, em diálogo com esses profissionais, mesmo em meio à pandemia, o trabalho dos psicólogos e assistentes sociais não foi paralisado. 

Uma breve consulta ao Sistema Nacional de Adoção e Acolhimento (SNA), no dia 1º de junho, mostrou que havia em Minas 3376 menores acolhidos em abrigos, sendo 235 disponíveis e 404 em processo de adoção. Entre março e dezembro de 2020, houve 313 sentenças de habilitação e 115 de adoção em todo o ano. Em 2021, entre os meses de janeiro e maio, houve 551 sentenças de habilitação e 25 de adoção. 

A própria entrevistada do jornal Hoje em Dia, a desembargadora Valéria Rodrigues, disse em entrevista ao jornal, disponível em vídeo, que o motivo principal para o problema seria uma resistência cultural de muitas famílias, a saber: a preferência por crianças com determinado perfil, em detrimento de outras. Infelizmente, essa informação não foi destacada no início da reportagem ou no título.

Na última segunda-feira (7), por meio do diretor jurídico do Sindicato, Ronaldo Ribeiro Júnior, o SERJUSMIG fez contato com a Redação do jornal que, nesta quarta-feira (9), sem recusas, publicou em sua página a resposta do Sindicato, com o título: “Sindicato nega paralisação do trabalho dos servidores da Justiça mineira na pandemia”

 

Ataques aos Servidores

Em seu posicionamento, além de rebater as afirmações da reportagem do Hoje em Dia, o SERJUSMIG ressaltou que matérias com esse teor, sem a escuta dos Servidores, são um desserviço ao debate democrático no Brasil. 

Neste momento, há um conjunto de ataques orquestrados ao Serviço Público, no âmbito das mídias, com o objetivo de desgastar os trabalhadores perante a opinião pública e viabilizar a aprovação da Reforma Administrativa no Congresso Nacional. 

 

SERJUSMIG
Unir, Lutar e Vencer

 


<<< VOLTAR

Confira também:







SERJUSMIG :: Rua Guajajaras, 1984 - Barro Preto - CEP 30180-109 - Telefone: (31) 3025-3500 - Fax: (31) 3025-3521
Design por: Interlig
Desenvolvido por: Masterix Sistemas